Vettel se aproveita de erro de Kimi e faz a pole em Baku. Hamilton larga em 2º

Em um esporte onde a concentração e a precisão são itens fundamentais e determinantes para um bom resultado, um erro pode ser fatal. Desta forma, se aproveitando de um erro do seu companheiro de equipe,Kimi Raikkonen, o tetracampeão do mundo Sebastian Vettel fez a volta perfeita e vai largar na frente no Grande Premio do Azerbaijão.

Q1 tem trapalhada dos carros da STR e eliminação de Romain Grosjean

A primeira parte do treino classificatório começou com a Haas de Romain Grosjean dando uma escapada da pista após bloquear a roda dianteira esquerda na freada para a curva 3. O carro ficou parado na área de escape com o câmbio travado, e o francês da Haas não conseguiu sair do lugar, sendo obrigado a abandonar o treino antes mesmo da primeira tentativa de volta rápida. Outro lance que aconteceu no treino classificatório foi novamente outro incidente envolvendo os carros da Toro Roso, de Brendon Hartley e Pierre Gasly.

A exemplo do que aconteceu na China, os pilotos da STR se estranharam. Brendon Hartley andava lento pela pista após raspar no muro e furar um pneu, e Pierre Gasly quase o atingiu. O francês precisou de um reflexo rápido para desviar do companheiro, mas acabou passando reto. Com isso, os dois acabaram eliminados e Gasly xingou Hartley pelo rádio, enquanto o neozelandês pediu desculpas. Na briga pelas vagas finais no Q2, Lance Stroll conseguiu avançar ao Q2 última volta, tirando Stoffel Vandoorne. Na frente o Q1 foi dominado por Raikkonen que ficou o melhor tempo da sessão com 1m42s985, com Vettel, Ocon, Hamilton e Verstappen se revezando na segunda posição.

 

Eliminados no Q1:

16º STOFFEL VANDOORNE (MCLAREN)

17º PIERRE GASLY (STR)

18º MARCUS ERICSSON (SAUBER)

19º BRENDON HARTLEY (STR)

20º ROMAIN GROSJEAN (HAAS)

Q2 elimina os dois carros da Williams, Fernando Alonso e também determina estratégia de corrida

A segunda parte do treino mostrou a estratégia de corrida dos carros de Mercedes e Ferrari, que optaram por fazer a segunda parte da classificação com pneus supermacios. Nisso, foi a vez de Hamilton e Bottas serem os mais rápidos nos primeiros minutos, enquanto Vettel fez um tempo para se garantir no Q2. Já Raikkonen, foi quem se deu mal e errou na sua primeira volta rápida e por pouco não bateu no muro, mas conseguiu voltar a pista. Onde teve de retornar aos boxes para colocar compostos ultramacios para se garantir no Q3.

Na disputa pelas últimas vagas no Q3, Fernando Alonso mais uma vez ficou fora, com o 13º tempo, logo à frente de Charles Leclerc, que obteve sua melhor posição de largada na F1 – ambos subiram uma posição no grid com a punição a Nico Hulkenberg. A noticia positiva do sábado ficou por conta da dupla da Williams não se classificou por pouco, enquanto Kevin Magnussen decepcionou com a Haas.

Eliminados no Q2

11º LANCE STROLL (WILLIAMS)

12º SERGEY SIROTKIN (WILLIAMS)

13º FERNANDO ALONSO (MCLAREN)

14º CHARLES LECLERC (SAUBER)

15º KEVIN MAGNUSSEN (HAAS)

Vettel supera Kimi e crava a pole em Baku

Quem está em um inicio de temporada altamente positivo é Sebastian Vettel. Obstinado a por fim ao jejum de 11 anos sem títulos da Ferrari, o piloto alemão, tetracampeão mundial novamente deu mostras porque no momento a Ferrari é o carro mais bem acertado do grid atual. Sem forçar totalmente o equipamento, Vettel cravou o melhor tempo do Q3, com mais de três décimos a frente de Lewis Hamilton, fato que tem colocado em xeque o domínio da Mercedes, que chega a quarta corrida da temporada, sem ter vencido ainda.

O único que por muito pouco não estragou a festa de Vettel foi o seu companheiro de equipe, Kimi Raikkonen. Destaque durante os treinos livres, o finlandês acabou cometendo um erro no ultimo setor do circuito de rua de Baku, quando era mais de dois décimos mais rápido por setor do que Vettel. O erro custou caro ao finlandês, que teve de se desdobrar para manter o carro na pista e assim terminou o treino classificatório na sexta posição. Esta é a pole position de numero 53 na carreira de Vettel, que vai largar na frente no domingo, com a possibilidade de obter a terceira vitoria em quatro corridas até aqui, enquanto o seu maior rival na luta pelo titulo, o britânico Lewis Hamilton, ainda não venceu neste ano. O Grande Premio do Azerbaijão acontece neste domingo, e a largada para as 51 voltas, dos 6.001km do Circuito de Rua de Baku, está marcada para as 9:10h, pelo horário de Brasília.

Confira abaixo o grid completo para o GP do Azerbaijão:

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *