Vettel desbanca Hamilton e vence na Austrália. Em corrida discreta, Massa é o 6º

Um banho de estratégia. Para quem esperava um passeio dominical de amplo domínio dos carros da Mercedes, em especial com Lewis Hamilton, na madrugada deste domingo, final de tarde em Melbourne na Austrália, acabou se surpreendendo. Se aproveitando de uma boa estratégia aliado ao bom ritmo de corrida, a Ferrari reencontra o caminho das vitórias, e Sebastian Vettel vence do Grande Premio da Austrália.

Largada limpa e sem incidentes

Com as novidades nos carros para a temporada atual, a largada foi um momento cercado de expectativas para ver os novos carros em ação pela primeira vez em ritmo de corrida. Após ser abortada, depois de uma primeira volta de apresentação, os carros partiram e Lewis Hamilton tratou logo de defender a vantagem de largar na pole position. Na segunda posição, Sebastian Vettel teve de se desdobrar para conter o avanço de Valteri Bottas, que largou em terceiro e por pouco não tomou a segunda posição do alemão da Ferrari. Mais atrás no grid, Felipe Massa foi outro conseguiu dar o bote para cima de Romain Grosjean e assim subiu para sexto. Mais atrás, no fundo do pelotão, os carros tiveram de se espremer na primeira curva para evitar acidentes, com alguns toques e freadas entre os carros, mas sem acidentes na primeira curva.

largada_australia

Mais adiante, na curva 3, Kevin Magnussen da Renault deu um toque na Sauber de Marcus Ericsson, e ambos saíram da pista, indo parar na área de escape. Por sorte, ambos retornaram a pista, e foram aos boxes para reparos em seus carros.

haas

Hamilton esboça abrir vantagem, mas Vettel acompanha de perto

Ainda nas duas primeiras voltas da prova, Lewis Hamilton esboçou disparar na ponta da corrida como de costume, mas já dando sinais de quem estava a fim de surpreender, com um ritmo fortíssimo de corrida, Sebastian Vettel tratou logo de não deixar Hamilton disparar na ponta, onde os dois primeiros conseguiram abrir um vantagem considerável para Bottas e Raikkonen, 3º e 4º lugares respectivamente, com 2s de vantagem em poucas voltas.

volta1

Com duas voltas de desvantagem Daniel Ricciardo consegue sair dos boxes

Enfrentando diversos problemas na sua Red Bull, o piloto da casa, o australiano Daniel Ricciardo, teve de largar dos boxes, e só conseguiu deixar o pitlane após a terceira volta da corrida. Mesmo com déficit de voltas em relação aos lideres da corrida, a ida de Ricciardo para a pista, foi motivo de festa da torcida local, que vibrou muito com a saída de Ricciardo dos boxes.

ricciardo

Primeiro terço da corrida registra primeiros problemas com os carros e abandonos

Na 15ª volta da corrida, Jolyon Palmer da Renault foi o primeiro a reportar problemas nos freios do seu carro. Mais a frente, Romain Grosjean com uma fumaça saindo de seu carro, teve de retornar aos boxes e assim abandonar a corrida.

haas1

Com desgaste evidente nos pneus, Hamilton para nos boxes e Vettel dá o bote

Sem conseguir se distanciar de Sebastian Vettel, o desgaste de pneus parecia cada vez mais intenso na Mercedes de Lewis Hamilton, que foi para os boxes na 18ª volta colocar os compostos macios e assim ficar mais tempo na pista. Vettel por sua vez, permaneceu na pista, conseguindo manter um bom ritmo de corrida. O que Hamilton não contava, é que ele retornaria a pista exatamente atrás de Max Verstappen, na quinta posição, foi neste momento que o rumo da corrida começou a mudar.

box

Vettel para nos boxes e volta à pista na frente de Hamilton

A 24ª volta da corrida, marcou a ida de Sebastian Vettel aos pits para fazer a troca de pneus. A troca pelos compostos macios, de maior durabilidade, devolveu o tetracampeão de volta à pista na terceira posição, exatamente a frente de Max Verstappen, que vinha em quarto, com Hamilton colado em Max, na quinta posição. Ainda com os pneus frios, Vettel teve que desdobrar para conter as investidas de Max, que tentou ultrapassar Vettel de todas as formas, mas sem sucesso. Hamilton por sua vez, começava ali a ver as suas chances de vitória na corrida de estréia da temporada, irem para o espaço.

vettel_pista

Bottas e Raikkonen fazem parada nos boxes e Vettel assume a liderança

Duas voltas depois, foi a vez de Bottas e Raikkonen irem aos boxes para realizar as suas paradas de boxes e retornarem a pista com pneus macios. Cenário perfeito para Vettel assumir de vez a liderança da prova, e assim começar a ditar um ritmo fortíssimo de corrida, já com Hamilton quase 6s atrás, após se complicar com Max Verstappen.

bottas

Felipe Massa faz corrida discreta e termina em 6º

Em um cenário onde em um primeiro momento da temporada, as forças dentro do grid atual parecem bem definidas, a Williams não conseguiu mais do que um sexto lugar com Felipe Massa. Em uma corrida discreta, a atuação de Felipe evidenciou o momento da escuderia inglesa, que no momento parece ser a quarta força dentro do grid, sem ameaçar a Red Bull de Max Verstappen que vinha na quinta posição, Felipe não foi incomodado em momento algum andando em 6º. Para uma amostragem inicial, Williams terá muito trabalho para encostar nos carros da Red Bull, para quem sabe começar a sonhar em chegar perto da zona de pódio.

massa

Corrida chama a atenção com poucas ultrapassagens

Um detalhe importante observado na corrida em Melbourne, foi o baixo numero de ultrapassagens. Destaque para a manobra do novato Lance Stroll da Williams, sobre a Sauber de Marcus Ericsson na nona volta da corrida, as manobras de ultrapassagem fora raras ao longo da prova. Sem contar as manobras dos lideres sobre os retardatários de prova, outro destaque foi para a manobra dupla de Esteban Ocon e Nico Hulkenberg sobre a McLaren de Fernando Alonso, no final da reta dos boxes a poucas voltas do fim. Mesmo com problemas que obrigariam Alonso a abandonar a prova, a manobra foi uma das poucas a empolgar o público presente no autódromo australiano.

ultrapassagem

Bottas aperta o ritmo e quase cola em Hamilton

Sem conseguir acompanhar o forte ritmo de Vettel, Lewis Hamilton passou a ter a preocupação da aproximação de seu companheiro de equipe Valteri Bottas, que passou a andar bem mais rápido que o britânico. Chegando a virar quase 1s mais rápido que Hamilton por volta, Bottas não conseguiu incomodar Hamilton de fato, mas já deu mostras de que a sua adaptação ao carro da Mercedes pode ser mais rápida que o esperado.

bottas1

Vettel supera Hamilton e vence na Austrália

Quem não tinha nada a ver com os problemas da Mercedes, era Sebastian Vettel. Com uma estratégia perfeita, aliado ao baixo consumo de pneus, o alemão tetracampeão do mundo, finalmente fez as pazes com a vitoria neste domingo, após passar a temporada de 2016 sem sentir o gosto da vitoria. De quebra, a boa performance dos carros da Ferrari já acende um sinal de alerta na Mercedes, que sabe que terá de mostrar serviço na China, a fim de conter o avanço de uma Ferrari que pela amostragem inicial, fará um 2017 para tentar desbancar aquela equipe que há três anos domina completamente o cenário da Fórmula 1. A Ferrari, por sua vez, mostrou a Mercedes que se seguir a mesma toada com que deixa Melbourne, será um páreo duro para as flechas de prata nesta temporada.

vettel

Essa é a 43ª vitória na carreira de Sebastian Vettel, que faz as pazes com o primeiro lugar no pódio, após ficar sem vencer em 2016, onde o ultimo triunfo do tetracampeão do mundo havia sido no Grande Premio de Cingapura de 2015. A Fórmula 1 que agora terá uma parada de duas semanas, e segue para Xangai, e retorna no próximo dia 9 de abril, no Grande Premio da China. A largada para as 56 voltas no Circuito Internacional de Xangai, está marcada para às 3h pelo horário de Brasília.

vettel1

Confira abaixo o resultado final do GP da Austrália:

resultado

 

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *