Com final emocionante, Nico Rosberg é campeão mundial após vitória de Hamilton em Abu Dhabi. Massa é 9º e Nasr 16º

Um final de temporada digno daquilo que foi a Fórmula 1 em 2016. Após uma intensa batalha entre os carros da Mercedes que jogaram com a estratégia de corrida ao longo das 55 voltas no circuito de Yas Marina, Lewis Hamilton venceu o Grande Premio de Abu Dhabi, e com o segundo lugar de Nico Rosberg, o alemão da Mercedes conquistou seu primeiro título mundial de Fórmula 1 no inicio da tarde deste domingo.

Largada limpa, tem incidente com Max Verstappen na primeira curva

Um dos momentos mais tensos da prova se tratando de uma decisão de campeonato, este momento é a largada. Com os dois carros da Mercedes na primeira fila, o temor de Hamilton e Rosberg era alguma tentativa de avanço dos carros de Ferrari e Red Bull que estavam na segunda e terceira fila do grid, e que fatalmente tentaria abocanhar as duas primeiras posições na primeira curva, o que não aconteceu. Com Hamilton e Rosberg contornando a primeira curva sem sustos e sem um ataque direto, quem se deu mal foi Max Verstappen que tocou na Force India de Nico Hulkenberg e acabou rodando e despencando para o final do pelotão de carros, sendo obrigado a fazer uma corrida de recuperação antes mesmo de completar a primeira volta da corrida.

largada_abu_dhabi

De forma estratégica, Hamilton não dispara na ponta da corrida

Ainda nas primeiras voltas da corrida, Lewis Hamilton sabia que teria de vencer para sonhar com o tetracampeonato do mundo, e para isso traçou uma estratégia arriscada que poderia dar o resultado que precisava, que tirar Nico Rosberg da zona de pódio da corrida. Para isso, nas primeiras voltas o britânico fez questão de não imprimir um ritmo forte de corrida, a fim de que os demais rivais incomodassem Nico e assim tentassem alguma manobra de ultrapassagem sobre o alemão, e que poderia desestabilizar Nico.

hamilton_abu_dhabi1

Oitava volta da corrida marca primeira rodada de pit stops entre os lideres da prova

Hamilton e Raikkonen fizeram seus pit stops na oitava volta. Rosberg foi aos boxes no giro seguinte e por muito pouco não perdeu a posição para o finlandês. Todos trocaram os ultramacios (faixa roxa) pelos macios (faixa amarela). Ricciardo assumiu a liderança provisória. Na sequencia, foi a vez de Daniel Ricciardo que mesmo com os pneus supermacios (faixa vermelha), Ricciardo fez sua parada na volta seguinte e retornou em quinto. A liderança voltou para Hamilton. Rosberg, por sua vez, aparecia em terceiro, atrás de Verstappen, que tinha estratégia diferente dos pilotos da Mercedes, já que, assim como Ricciardo, estava com compostos supermacios.

ferrari_box_abu

Décima terceira volta da prova, marcou a despedida de Jenson Button da Fórmula 1

Assim como Felipe Massa, o britânico Jenson Button, foi outro piloto que se despediu da Fórmula 1 neste final de semana. Largando do meio do pelotão o britânico campeão mundial de 2009, teve de abandonar a prova na 13ª volta da corrida após uma quebra na suspensão dianteira direita, quando Jenson atacou demais as zebras do circuito, tendo de recolher o carro aos boxes. Anda assim, Button ao retornar aos boxes subiu no carro e foi aplaudido de pé pelos expectadores no circuito de Yas Marina. Já dentro dos boxes, Button foi saudado por toda equipe McLaren e seus familiares que o aguardavam dentro da garagem de equipe.

button_abu_dhabi

Sonhando com novo contrato para seguir na F1, Felipe Nasr encerra a temporada com um 16º lugar

Ainda sem futuro definido para 2017, Felipe Nasr teve um final de temporada melancólico, o que foi um reflexo da Sauber nesta temporada. Após fazer uma boa largada, e andar na 14ª posição, Nasr sucumbiu com a falta de potencia da equipe suíça e não conseguiu nada mais do que um 16º lugar, em uma temporada que foi ‘salvo’ com o excelente resultado obtido no Brasil, duas semanas atrás. Nisso, Felipe segue para as férias sonhando com um contrato para seguir na Fórmula 1 em 2017, onde as opções de futuro parecem mostrar que Felipe deve ficar de fora no ano que vem.

nasr_abu_dhabi2

Felipe Massa se despede da Fórmula 1 terminando a prova em nono

Outro que se despediu do circo da Fórmula 1 em Abu Dhabi neste final de semana, foi o brasileiro Felipe Massa. Após 14 temporadas dentro da maior categoria do automobilismo mundial, o piloto brasileiro encerrou sua trajetória na categoria com uma corrida discreta, que teve o seu momento de maior brilho uma boa disputa contra seu companheiro de equipe, o finlandês Valteri Bottas, ainda nas primeiras voltas da corrida. Ao final, Felipe também foi muito saudado dentro do pit lane e ainda distribuiu ‘zerinhos’ para a torcida local, que reverenciou o piloto brasileiro.

massa_abu_dhabi1

Destaques da prova, Max Verstappen e Sebastian Vettel por pouco não roubam a cena

Quem fez uma boa corrida de recuperação após uma rodada na primeira volta da corrida foi Max Verstappen. Sensação da temporada, o jovem holandês teve mais um domingo de atuação impressionante ao se recuperar de forma fantástica durante a corrida, chegando a incomodar Nico Rosberg em determinado momento da prova. Ainda jogando com uma estratégia diferente de corrida, Max por pouco não flertou com a vitória nas voltas finais, quando Hamilton claramente diminuiu seu ritmo de corrida para aproximar mais carros de Rosberg. Nisso, outro que se destacou foi Sebastian Vettel, que também apostou em uma estratégia diferente dos carros da Mercedes, e foi um dos carros mais rápidos do grid nas voltas finais, o que gerou uma preocupação extra para Rosberg nas ultimas cinco voltas da prova. Como premio, Vettel terminou uma temporada difícil para o tetracampeão mundial no pódio em terceiro.

vettel_abu_dhabi3

Hamilton tenta de tudo, mas não consegue levar o tetracampeonato

Quem tentou de todas as formas sair de Abu Dhabi com o quarto titulo na carreira, foi Lewis Hamilton. O britânico arriscou tudo ao adotar um ritmo de corrida mais lento que o habitual, ao tentar juntar os carros de Red Bull e Ferrari para cima de Rosberg, que vinha em segundo. Ainda que tendo sido chamado fortemente a atenção pelo radio da Mercedes, Hamilton não se incomodou em tentar de todas as formas desestabilizar Nico, mas acabou caindo diante de um rival que foi regular durante toda a temporada, e estava maduro para conquistar o titulo. Por fim, o britânico venceu a prova, mas teve de se contentar com o vice-campeonato.

hamilton_abu_dhabi2

Rosberg suporta a pressão de rivais no fim, e é campeão mundial de Formula 1

A temporada foi dele. Piloto que primou por uma temporada onde a regularidade foi o seu ponto forte, o alemão Nico Rosberg deu mostras de o quão maduro estava ao não se incomodar com pressão dos rivais nas ultimas voltas da prova. Em uma estratégia de corrida conservadora e evitando disputas mais arriscadas, Nico teve de ser arrojado ao fazer um bela manobra de ultrapassagem sobre Max Verstappen pouco antes da metade da prova, quando Max estava mais lento, e Nico poderia começar a ser assediado pelos carros da Ferrari. Mesmo assim, Nico teve que manter a calma nas voltas finais, quando Hamilton claramente reduziu seu ritmo de prova, para facilitar a aproximação de Max Verstappen e Sebastian Vettel, que estavam com pneus mais novos que Nico, e que poderiam atacar o alemão e tirá-lo do pódio, o que daria o titulo a Hamilton.

final_abu_dhabi

Desta forma, Nico segurou a pressão nas voltas finais, e ao cruzar a linha de chegada na segunda posição conquistou o seu primeiro titulo mundial da carreira. Aos 31 anos, Nico Rosberg igualou o feito de seu pai, o sueco Keke Rosberg campeão do mundo em 1982, e é o segundo piloto, filho de ex-campeão mundial a conquistar o titulo da categoria máxima do automobilismo mundial. O outro piloto a conquistar o feito foi Damon Hill, filho da lenda Graham Hill. Damon foi campeão em 1996 pela Williams. A Fórmula 1, que se despediu neste final de semana e entra em férias, para retornar agora no Grande Premio da Austrália, em Melbourne no dia 26 de março de 2017.

nico_campeao

Confira abaixo o resultado final do GP de Abu Dhabi:

classificacao_final_abu_dhabi

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *