Rosberg domina rivais e crava a pole em Cingapura. Massa é 12º e Nasr o 18º

Assim como aconteceu em Monza duas semanas atrás, quando Lewis Hamilton foi soberano em todas as sessões de treinos, apenas falhando na largada e entregando de bandeja a vitoria para o seu maior rival na luta pelo titulo, o que vemos até o momento no circuito de Marina Bay, nas ruas de Cingapura, é a legitima inversão de papeis. Na noite quente do sudeste asiático, quem tem reinado até o momento é Nico Rosberg, que tem dominado as sessões de treinos até o momento. E confirmando seu favoritismo, o alemão da Mercedes cravou a pole position e vai largar na frente no Grande Premio de Cingapura.

Q1 elimina Felipe Nasr e Sebastian Vettel

A primeira parte do treino, que elimina os seis carros mais lentos do grid, começou com os carros da Mercedes fazendo as ‘honras’ sendo os primeiros a irem a pista para aferir seus tempos de volta, e assim não correr os riscos do excesso de trafego comum em um circuito de rua. A partir disso o que se viu foi uma disputa intensa entre os carros mais lentos do grid para cavar uma vaga no Q2, onde a grande surpresa da sessão foi a eliminação precoce de Sebastian Vettel. Com um grave problema na suspensão da sua Ferrari, onde uma das rodas ficava praticamente suspensa no ar, fazendo seu bólido andar com três rodas, Vettel bem que tentou consertar o problema a tempo de retornar a pista para mais uma tentativa de volta rápida para avançar ao Q2. Com o pouco tempo que restava, Vettel teve que se contentar a ultima posição do grid. Outro eliminado da sessão foi Felipe Nasr, que não conseguiu repetir o desempenho nas sessões livres, quando o brasileiro ficou sistematicamente a frente de seu companheiro de equipe, Marcus Ericsson. O sueco, que por sinal avançou para a segunda parte do treino classificatório. Junto com Nasr e Vettel, também fizeram parte do time dos eliminados da sessão, os dois carros da Renault de Jolyon Palmer e Kevin Magnussen, juntamente com os dois carros da Manor de Pascal Wehrlein e Esteban Ocon.

vettel_cingapura1

Q2 tem interrupção no final que prejudica e elimina Valteri Bottas e Felipe Massa

A segunda parte do treino, que serve para eliminar mais seis carros do grid, cortou os dois carros da Williams nos minutos finais. Tudo aconteceu, quando os carros da escuderia inglesa tentavam melhorar seus tempos de volta, quando a Haas de Romain Grosjean escapou da pista e foi de encontro a barreira de proteção, ocasionando uma bandeira amarela localizada, que obriga os pilotos a reduzir a velocidade no ponto indicado. Com isso, Massa e Bottas não conseguiram melhorar seus tempos, e foram superados pelos carros da Force India e a McLaren de Fernando Alonso. A Williams ainda tentou apelar junto a direção de prova, alegando que os pilotos fizeram seus tempos ignorando a sinalização de bandeira amarela, mas sem sucesso. Com isso, os dois carros da Williams, se juntaram a Esteban Gutierrez, Jenson Button e Marcus Ericsson, entre os eliminados na sessão. Na frente, novamente a Mercedes ditou o ritmo da sessão, com Rosberg e Hamilton a frente, praticamente colocando ‘ordem’ na casa.

grosjean_cingapura

Rosberg supera rivais e crava a pole em Cingapura, com Hamilton em 3º

Se for fazer um comparativo com o domínio de Lewis Hamilton em todas as sessões de treinos há duas semanas em Monza, no Grande Premio da Itália, e comparar com o que Nico Rosberg vem fazendo em Marina Bay até o momento, podemos afirmar que o que acontece no momento é uma verdadeira inversão de papéis. Sendo assim, Nico foi cedo para a pista no Q3 e na primeira tentativa de volta rápida, o alemão da Mercedes cravou o tempo de 1m42s584, colocando logo de cara uma diferença de sete décimos sobre Hamilton, o que é uma ‘eternidade’ entre os dois carros da mesma equipe. Para piorar a situação do britânico, após os pilotos retornarem a pista nos minutos finais do Q3, para uma ultima tentativa de volta rápida, Hamilton ainda foi superado pela Red Bull de Daniel Ricciardo, que tem mostrado uma boa performance até aqui em Cingapura e pode ser um rival forte no domingo na luta pela vitória.

ricciardo_cingapura

Desta forma, Hamilton despencou para a terceira posição no grid, em uma corrida que pode terminar no domingo com um novo líder no campeonato, onde quem chegar à frente no duelo particular entre os carros da Mercedes na luta pelo titulo, é de apenas dois pontos a favor de Hamilton, sobre Rosberg (250 a 248). Esta é a 29ª pole na carreira de Nico Rosberg, que com o feito de hoje, se torna o oitavo piloto em numero de poles na carreira, igualando o mito argentino e pentacampeão mundial, Juan Manuel Fangio. Nico, que se vencer amanhã pode chegar a oitava vitória no ano, e assim assumir novamente a liderança do campeonato. O Grande Premio de Cingapura acontece neste domingo, e a largada para as 61 voltas dos 5.065km do circuito de rua de Marina Bay, está marcada para as 9h pelo horário de Brasília.

rosberg_cingapura

Confira abaixo o grid completo para o GP de Cingapura:

classificacao_treino_cingapura

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *