Rosberg supera Hamilton e crava a pole em Hockenheim. Massa é o 10º e Nasr 22º

Em um duelo de igualdades qualquer problema pode ser fatal na luta pelo melhor tempo, visando a posição de honra no grid de largada. Com um toque dramático, após superar um problema eletrônico na sua Mercedes, Nico Rosberg acertou uma volta perfeita e vai largar na pole positon no Grande Premio da Alemanha.

Q1 elimina os seis mais lentos, tem Felipe Nasr fora

Primeira parte do treino que serve para eliminar os carros mais lentos do grid começou com a maioria das equipes optando por pneus supermacios, temendo figurar entre as equipes eliminadas. A Mercedes como única exceção entre as equipes optou por começar a sessão classificatória com pneus macios, de faixa amarela, que são teoricamente mais lentos que os de faixa vermelha. O que não acabou sendo um problema para as Mercedes, que mesmo com compostos de pneus inferiores aos demais carros do grid, dominou o Q1. Com o tempo de 1m15s243 o britânico mostrou que seria páreo duro para Nico Rosberg na luta pela pole position. No fundo do pelotão a decepção ficou por conta de Daniil Kvyat, que não conseguiu avançar para o Q2. Em má fase o russo, teve inúmeras dificuldades com a Toro Rosso e não conseguiu nada mais do que uma 19ª posição. Outro que figurou entre os eliminados foi Felipe Nasr, que conseguiu ficar apenas a frente do seu companheiro de equipe, Marcus Ericsson. Nasr, que terá de cumprir uma punição por que irá trocar alguns componentes no seu carro, e assim largará na ultima posição. Os demais eliminados no Q1 foram Kevin Magnussen com a Renault, e os carros da Manor com Rio Haryanto e Pascal Wehrlein.

Q2 tem Felipe Massa avançando para o Q3 no limite e McLaren fora

A segunda parte do treino também elimina mais seis carros, onde novamente a Mercedes sobrou perante as equipes rivais. Desta vez sem correr riscos, as flechas de prata optaram pelos pneus supermacios e novamente dominaram a sessão com Hamilton a frente. Com o tempo de 1m14s748, ficando apenas 91 milésimos a frente de Rosberg. A luta para entrar no Q3 foi até os segundos finais, e reservou fortes emoções para Felipe Massa, que avançou na 10ª posição, no limite para aqueles que vão ao Q3. Destaque negativo da sessão ficou por conta da McLaren que teve um bom desempenho na Hungria na semana passada, mas que neste final de semana na Alemanha não apresenta a mesma performance. Com um 12º lugar de Jenson Button e um 14º para Fernando Alonso, a McLaren acabou eliminada no Q2, fazendo companhia para Esteban Gutierrez (Haas), Carlos Sainz (Toro Rosso) Romain Grosjean (Haas) e Jolyon Palmer (Renault).

Rosberg supera Hamilton e vai largar na frente no GP da Alemanha

Dono das melhores marcas nos treinos livres até aqui, Nico Rosberg, ainda não havia sido superado por Hamilton ao longo do final de semana, até o treino classificatório, quando Hamilton superou Rosberg tanto no Q1 quanto no Q2. A chegada da ultima parte do treino, começou com um susto para Nico que na primeira tentativa de volta rápida, teve de retornar aos boxes por conta de uma pane eletrônica na sua Mercedes, pouco antes de completar a primeira volta rápida. Ao retornar aos boxes, a Mercedes teve de trabalhar rápido no carro de Rosberg para corrigir o problema, a fim de devolver Nico o mais rápido possível a pista para tentar a pole position. Enquanto isso, Lewis Hamilton que não tinha nada a ver com os problemas de Rosberg tratou logo de cravar o primeiro tempo, seguido de Daniel Ricciardo, um dos destaques do treino de classificação.

Faltando pouco mais de 2 minutos para o fim da sessão Rosberg conseguiu retornar a pista, e com uma volta voadora, o piloto da casa fez o tempo de 1m14s363 e superou Hamilton que ainda tentou recuperar a ponta do grid, mas sem sucesso na ultima tentativa de volta rápida. Esta é a 27ª pole na carreira de Nico, que corre neste domingo tentando recuperar a liderança no mundial de Fórmula 1. Liderança que ele Nico, perdeu no ultimo final de semana na vitoria de Lewis Hamilton no Grande Premio da Hungria. O Grande Premio da Alemanha acontece neste domingo, e a largada para as 67 voltas nos 4.574km do circuito de Hockenheim está marcada para as 9h pelo horário de Brasília.

Confira abaixo o grid completo para o GP da Alemanha:

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *